"Eles se amam. Todo mundo sabe mas ninguém acredita. Não conseguem ficar juntos. Simples. Complexo. Quase impossivel. Ele continua vivendo sua vidinha idealizada e ela continua idealizando sua vidinha. Alguns dizem que isso jamais daria certo. Outros dizem que foram feitos um para o outro. Eles preferem não dizer nada. Preferem meias palavras e milhares de coisas não ditas. Ela quer atitudes, ele quer ela. Todas as noites ela pensa nele, e todas as manhãs ele pensa nela. E assim vão vivendo até quando a vontade de estar com o outro for maior do que os outros. Enquanto o mundo vive lá fora, dentro de cada um tem um pedaço do outro. E mesmo sorrindo por ai, cada um sabe a falta que o outro faz. Nunca mais se viram, nunca mais se tocaram e nunca mais serão os mesmos. É fácil porque os dias passam rápidos demais, é dificil porque o sentimento fica, vai ficando e permanece dentro deles. E todos os dias eles se perguntam o que fazer. E imaginam os abraços, as noites com dores nas costas esquecidas pelo primeiro sorriso do outro. E que no momento certo se reencontrem e que nada, nada seja por acaso. "

Tati Bernardi. (via inverbos)

(Source: tudocertotudoempaz)

"Já fico a retaguarda. Me transformei nessa máquina de não querer sentir. — A opção era se esconder de mim mesmo mas achei melhor não sentir. — Quando percebo algo diferente já paro porque sei que aquilo não é uma sensação de amor ou paixão. Mas sim de tome cuidado. "

Willians Souza.  (via inverbos)

"Ela sabia que precisava dele. Pelo menos naquela noite chuvosa e sem grandes esperanças. Mas tinha medo da compulsão. De querer ele sempre e sempre e pra sempre. E amanhã e depois. E de dia, e tarde, de madrugada. E não saber digerir tanto amor e tanto amor acabar lhe fazendo mal. Só mais um pouquinho, pensou. Uma lasquinha. Pra dormir feliz. Amanhã era amanhã. Depois ela resolvia. "

Tati Bernardi.  (via inverbos)

(Source: fluiu)

"Eu só queria saber se as consequências bateram na sua porta durante esse tempo que andamos distantes. A saudade percorre por todos os lugares sem causar muito estrago, mas ela sempre acha um ponto fraco para se infiltrar e fica lá, brincando de ser má. Esse lance de tempo não faz muito sentido, as coisas ficaram mais difíceis quando os dias se passaram, dobraram os anos e deu na mesma. Continuo carregando essa solidão aguda camuflada em um sorrisinho amarelo, com o olhar voltado para o vazio que percorre uma maratona infinita por mim, enfrentando o meu próprio vício de correr atrás do que me faz mal, ou pelos menos parcialmente mal. Não minto, você também me fazia bem às vezes, mas não sei descrever isso sem esquartejar os meus próprios ímpetos de repulsa e relembrar de você com o sorriso mais franco e o cabelo meio bagunçado. Só queria conseguir dormir sem pensar nessas perspectivas do fim do nosso quase amor, que ficou no quase por mera questão de falta de vontade. "

Junior Lima.  (via inverbos)

(Source: recomendar)

"Sei lá, só não entendo como eu ainda corro atrás de você. Eu não tenho a miníma vontade de continuar, mas tu me dá todos os motivos para tentar. E nada mais me importa quando estou contigo, todo o resto se torna relativo. E já não tenho certeza de mais nada, minha unica certeza é que te quero e isso cresce cada vez mais. Você discorda comigo em quase tudo, e eu sempre lhe tiro a razão quando está certo em alguma coisa. Eu conheço o seu lado fraco e nunca te escondi minha fragilidade, mas você insiste em desaparecer com teu ponto fraco… Eu não suporto teu jeito, odeio todas as suas manias, principalmente quando tu diz em opinião própria que eu te quero. Não gosto nem de ouvir teu nome, quem dirá pronunciá-lo. Eu não sei como eu posso odiar tanto você, e ainda precisar. Amar teu jeito, rir das tuas manias, ter necessidade de ouvir teu nome e o som da tua voz. É como se eu pudesse ter um momento de loucura e te deixar a qualquer hora, mas me arrepender segundos depois pela minha louca decisão e ir atrás de ti. Difícil entender como pode caber tanta confusão em duas pessoas. Não dá para entender, não dá para resolver. Em alguns momentos a gente se entende, se acerta, mas logo tudo desaba e piora. Você diz que vai embora, eu não te peço pra ficar. É que eu preciso de você longe, mas preciso que tu me puxe pra perto. "

Ele é totalmente o Oposto de mim.   (via inverbos)

(Source: promessasvazias)

"Escapou ali um beijo na orelha e uma mão que quis esquentar a outra. Mas a gente correu pra fazer piadinha sexual disso, como sempre. E você olhou do corredor e me perguntou: não to esquecendo nada? E eu quis gritar: tá, tá esquecendo de mim. E você depois perguntou: não tem nada meu aí? E eu quis gritar: tem, tem eu. Eu sempre fui sua. Eu já era sua antes mesmo de saber que você um dia não ia me querer. Mas a gente combinou que não era amor. É o que está no contrato. E eu assino embaixo. Melhor assim. Tô super bem com tudo isso. Nossa, nunca estive melhor. Mas não faz isso. Não faz o mundo inteiro brilhar mais porque você é bobo.Não faz o mundo inteiro ficar pequeno só porque o seu jeito é o melhor. Não deixa eu assim, deslizando pelas paredes do chuveiro de tanto rir porque sua voz fica ridícula brava. Não transforma assim o mundo em um lugar mais fácil e melhor de se viver. Não faz eu ser assim tão absurdamente feliz só porque eu tenho certeza absoluta que nenhum segundo ao seu lado é por acaso. Combinamos que não era amor e realmente não é. Mas esse algo que é, é realmente muito libertador. Porque quando você está aqui, ou até mesmo na sua ausência, o resto todo vira uma grande comédia. E eu tenho vontade de ligar pra todos os outros e falar: putz, cara, e você acha mesmo que eu gostei de você? Coitado. Adoro como o mundo fica coitado, fica quase, fica de mentira, quando não é você. Porque esses coitados todos só serviram pra me lembrar o quão sagrado é ser absurdamente feliz mesmo sabendo a dor que vem depois. O quão sagrado é ver pureza em tudo o que você faz, ainda que você faça tudo sendo um grande safado. O quão sagrado é abrir mão de evoluir só porque andar pra trás é poder cruzar com você de novo. Não é amor não. É mais que isso, é mais que amor. Porque pra te amar mais, eu tenho que te amar menos. Porque pra morrer de amor por você, eu tive que não morrer. Porque pra ter você por perto, eu tive que não querer mais ter você por perto pra sempre. E eu soquei meu coração até ele diminuir. Só pra você nunca se assustar com o tamanho. E eu tive que me fantasiar de puta, só pra ter você aqui dentro sem medo. Medo de destruir mais uma vez esse amor tão santo, tão virgem. E eu vou continuar me fantasiando de não amor, só pra você poder me vestir e sair por aí com sua casca de não amor. E eu vou rir quando você me contar das suas meninas, e eu vou continuar dizendo “bonito carro, boa balada, boa ideia, bonita cor, bonito sapato”. E eu vou continuar sendo só daqui pra fora. Porque no nosso contrato, tomamos cuidado em escrever com letras maiúsculas: não existe ninguém aqui dentro. Mas quando, de vez em quando, o seu ninguém colocar ali, meio sem querer, a mão no meu joelho, só para me enganar que você é meu dono. Só para enganar o cara da mesa ao lado que você é meu dono. Eu vou deixar. Vai que um dia você acredita. "

Tati Bernardi.  (via inverbos)

"Odeio quando me apaixono rápido. A dor e a paixão são como uma ligação. Sempre fui de me apaixonar rápido, me apegar rápido, mas no final quem saia na pior, era sempre eu. Por um tempo eu me fechei de algumas coisas, principalmente de amigos. Me perguntaram por que eu estava diferente, então respondi: "Só estou sendo o que é para eu ser". Alguns diziam que era os livros, outros diziam que era amadurecimento, mas sinceramente, foi de tanta pancada que tomei da vida. Teve horas que fui ignorado, e doía, como doía. Fui muito de correr atrás de quem não merecia, onde a pessoa no máximo correu 3 vezes, já eu, milhares. Depois que me canso de correr, essa pessoa vem e diz: "Me abandonou". E eu respondo: "Apenas cansei de correr atrás de quem não merecia". Isso não foi de uma hora para a outra, e sim aos poucos. Sempre me recordo dessa frase que meu vô me dizia: "Você tem que dar valor a si próprio, pois ninguém irá mudar sua vida além de você". As palavras dele sempre me tocam. É como se meu vó soubesse a verdadeira situação que ando passando. Mas é a vida. Tem horas que mudamos, e outras que nem sabemos quem somos. "

Lucas Dornelas.   (via inverbos)

(Source: desacreditado)

"Ando me distanciando e nem sei ao certo o que acontece. Já não sinto vontade de falar com muita gente. O bom é que muitos não percebem, assim eu não preciso perder tempo tentando explicar as razões pelas quais venho querendo fugir. Essas coisas são muito cansativas. Aliás, a maioria das coisas que envolvem pessoas são cansativas. "

Sean Wilhelm.  (via inverbos)

(Source: deploravel)

"Eu te guardei as minhas partes boas, meu bem. As minhas palavras mais doces, os meus gostos musicais mais clássicos e os meus apreços literários mais bem conceituados. Eu me moldei para o teu amor. E você, meu bem, trouxe a realidade. Expôs meus medos, ciúmes, inseguranças e silêncios. Expôs toda a minha face perdida na vida. Você aflorou os meus cantos mais imundos. Foi assim que eu aprendi: o amor nos quer imperfeitos. "

Camila Costa.   (via inverbos)

(Source: camilacosta)

1 2 3 4 5 6 7 8 9 »